Após duplicação da primeira fábrica, grupo anuncia nova usina com 1.500 empregos

0

Planta receberá investimento de R$ 1 bilhão e vai produzir 680 milhões de litros de etanol

Nova usina foi anunciada poucas semanas depois da divulgação da duplicação da primeira fábrica.

Nova usina foi anunciada poucas semanas depois da divulgação da duplicação da primeira fábrica.

Poucas semanas de anunciar a duplicação de sua primeira planta, que já havia sido inaugurada há apenas cinco meses, a FS Bioenergia divulgou que vai investir R$ 1 bilhão na construção de sua segunda usina.

A primeira unidade do grupo, a única que trabalha exclusivamente com etanol de milho, fica em Lucas do Rio Verde (MT), ao passo que a segunda será em Sorriso, também no Mato Grosso. A expectativa é gerar 1.500 empregos diretos e indiretos, e produzir 680 milhões de litros de etanol por ano.

Com capacidade de armazenar 400 mil toneladas de milho, a previsão é que seja utilizado 1,8 milhão de toneladas do grão por ano. Além do etanol, serão industrializados anualmente 500 mil toneladas de farelo de milho e 20 mil toneladas de óleo de milho.

Considerando as duas usinas combinadas (Lucas do Rio verde após a expansão e Sorriso), a FS Bioenergia terá capacidade de produção de 1,2 bilhão de litros de etanol, 900 mil toneladas de farelo de milho e 35 mil toneladas de óleo de milho por ano.

A utilização da biomassa será proveniente de uma floresta de 30 mil hectares de eucaliptos plantados, a ser formada com a colaboração da FS Bioenergia. A nova fábrica terá uma capacidade prevista de cogeração de energia de 170 mil MWh por ano, suficiente para abastecer uma cidade de cerca de 70 mil habitantes.

“A região de Sorriso e o estado do Mato Grosso, como um todo, é extremamente importante e estratégica, e estar próximo desses produtores de Sorriso nos dará ainda mais insumo”, afirma Henrique Ubrig, CEO da FS Bioenergia. Por enquanto, a obra ainda está em fase de licenciamento e não há previsão para início da construção.

A cidade de Sorriso, no Mato Grosso, reconhecida como a capital brasileira do agronegócio, é a maior produtora de soja e milho do Brasil e o 5º maior criador de peixes no país. Está entre os 30 maiores exportadores brasileiros e é a 5ª economia do Mato Grosso.

Sobre a FS Bioenergia

A FS Bioenergia é a primeira usina de etanol do Brasil que utiliza milho em 100% de sua produção. Resultado de uma colaboração entre o agronegócio brasileiro Tapajós Participações S/A e o Summit Agricultural Group, sediado nos EUA, a companhia foi criada para produzir etanol e coprodutos do cereal na cidade de Lucas do Rio Verde, Mato Grosso. A fábrica produzirá zero efluentes, tendo um ciclo contínuo de água e reutilizando tudo dentro de seu ciclo fechado de produção. Dessa forma, a FS Bioenergia reaproveita os resíduos do processo produtivo e pós-consumo e reduz o volume de matéria-prima consumida.

Publicado por Gazeta do Povo; 

Compartilhar

Sobre o autor

O agroreporter é um blog sobre o Agro no Brasil e no mundo, trazendo notícias relevantes, agenda com os principais eventos e cursos do setor e conteúdos inéditos para o leitor acompanhar. Fique por dentro! Compartilhe e comente nosso conteúdo nas redes sociais.

Deixe uma resposta