TESTE DE TETRAZÓLIO

0
Foto: RUFINO RR

Foto: RUFINO RR

A agricultura atual dedica-se intensamente no melhoramento genético em busca de cultivares mais produtivas. Todo esse ganho de qualidade obtido no melhoramento é repassado aos agricultores por meio das sementes, insumo básico e necessário para a maioria das espécies de interesse agrícola.  As sementes apenas estarão aptas para o uso se apresentar elevadas qualidades genética, física, fisiológica e sanitária.

A avaliação da qualidade da semente em sua maioria é realizada apenas pelo teste de germinação, que embora seja muito útil não informa vigor, longevidade e ainda demanda de um prazo de 7 a 28 dias para um diagnostico completo dos resultados, sendo este período muito longo para atender aos interesses comerciais dos produtores de sementes.

Em detrimento destas premissas, a agricultura atual demanda de testes complementares, confiáveis e rápidos, que permitem agilidade na avaliação da qualidade das sementes possibilitando a tomada de decisões de maneira antecipada, podendo ser durante a colheita, recepção, beneficiamento e principalmente na comercialização, reduzindo riscos e futuros prejuízos ao agricultor.

Dentre os testes rápidos para a avaliação da qualidade da semente, destaca-se o teste de tetrazólio, que gera informações sobre a viabilidade, vigor e ainda diversos problemas que afetam o desempenho das sementes.

 TESTE DE TETRAZÓLIO

O teste de tetrazólio (Tz) estima de forma ágil, a viabilidade e o vigor das sementes e ainda identifica diversos problemas que afetam o desempenho das mesmas (danos mecânicos, anormalidades, dentre outros). Essa metodologia vem sendo aperfeiçoada constantemente, de modo que existem manuais que indicam a execução do teste para varias espécies, tais como a soja, milho, trigo, feijão, algodão e amendoim.

O teste baseia na alteração da coloração dos tecidos vivos em presença de uma solução de tetrazólio. Essa alteração na coloração reflete a atividade das enzimas desidrogenases envolvidas na atividade respiratória.

Estas enzimas, particularmente, a desidrogenase do ácido málico, catalisam a reação dos íons H+ liberados pela reação dos tecidos vivos com o sal (2,3,5 – trifenil cloreto de tetrazólio), formando uma substância de cor vermelha, estável e não difusível, denominada trifenilformazan.

Quando o sal de tetrazólio é reduzido, formando o composto de coloração vermelha, ocorreu atividade respiratória nas mitocôndrias, isso indica que existe viabilidade celular do tecido. Nos tecidos não viáveis não ocorre a reação, permanecendo estes sem a coloração vermelha. A formação de um vermelho carmim claro é um indicativo de tecido vigoroso. Já quando o vermelho é mais intenso, indica que o tecido esta em deterioração.

O teste de tetrazólio nas sementes de soja, para a avaliação da deterioração por umidade, danos mecânicos e por percevejos, na interpretação exige que as sementes sejam avaliadas de maneira individual, diagnosticando a localização e intensidade da coloração que indicara condição real da mesma. O avaliador (a) no teste de tetrazólio deve ser altamente qualificado (a), pois as interpretações são visuais, devendo seguir todos os critérios técnicos para assegurar a qualidade da análise.

O sucesso da agricultura inicia-se com a aquisição de sementes de altíssima qualidade (física e fisiológica), cuja tal deve ser oriunda de empresas idôneas, que durante a entrega das mesmas forneçam um laudo técnico sobre as características do produto adquirido, cabendo ao agricultor realizar o teste de germinação em canteiros (para validar o laudo) e armazena-las em condições ideais de modo que suas características não sejam alteradas até o momento do plantio, garantindo excelentes resultados na implantação da cultura.

Luciano Mato Grosso

 REFERÊNCIAS

MENEZES, N.L. TESTES RAPIDOS PARA IDENTIFICAR A QUALIDADE DAS SEMENTES. CENTRO DE CIENCIAS RURAIS. SANTA MARIA. DISPONIVEL EM: http://coral.ufsm.br/sementes/index.php/component/content/article/2-uncategorised/12-testes-rapidos

Compartilhar

Sobre o autor

O agroreporter é um blog sobre o Agro no Brasil e no mundo, trazendo notícias relevantes, agenda com os principais eventos e cursos do setor e conteúdos inéditos para o leitor acompanhar. Fique por dentro! Compartilhe e comente nosso conteúdo nas redes sociais.

Deixe uma resposta